Aporte de R$ 300 mil será aplicado nas obras finais da Central de Polícia Civil em Gravataí





Foto - Câmara Municipal de Gravataí



O repasse de R$ 300 mil da Câmara de Vereadores de Gravataí, referente a economia de gastos realizada pelo Legislativo no 1º semestre de 2022, será devolvido à Prefeitura Municipal para que seja destinado às obras de conclusão da Central de Polícia Civil. Aguardada há mais de dez anos, a sede abrigará a 1ª Delegacia de Polícia, a Delegacia de Polícia de Pronto Atendimento, a Delegacia da Mulher, o Departamento de Homicídios e a 1ª Delegacia de Polícia Regional Metropolitana (1ª DPRM), além de espaço para um posto de identificação, vinculado ao Instituto Geral de Perícias.


Conforme o titular da 1ª DPRM, delegado Juliano Ferreira, é importante ressaltar o trabalho conjunto de diversos órgãos para a implantação da Central de Polícia Civil em um local com todas as delegacias no mesmo ambiente, que irá proporcionar um melhor atendimento à população. “Desde que assumimos, há dois anos, a Chefia de Polícia solicitou que encontrássemos um local com acessibilidade e que os servidores pudessem exercer suas funções com plenitude. Especialmente um local onde o cidadão que procura o atendimento da Polícia Civil se sinta confortável lá dentro e que, no caso de um ocorrência, preserve todas as partes envolvidas”, destacou.


Segundo ele, esse novo prédio reúne todas as funcionalidades necessárias que um órgão público deve oferecer. “Ou seja, ele é moderno e funcional, está bem localizado, possui acessibilidade, conta com auditório e sala de imprensa. Esse montante de R$ 300 mil permitirá o acabamento final ao prédio, como a colocação de piso, cobertura para as viaturas, monitoramento por câmeras de vigilância, especialmente dos presos, além de outros investimentos como alarmes, placas de identificação, painel eletrônico, guichês de autoatendimento para que o cidadão possa fazer sua ocorrência online, bem como para aquisição de equipamentos tecnológicos necessários”, afirmou.

O delegado salienta, ainda, a importância da união de esforços, da Polícia Civil, do Executivo e Legislativo de Gravataí, para que a Central de Polícia se torne uma realidade e ofereça melhores condições para todos na área da Segurança.




23 visualizações0 comentário