Direito à paridade e integralidade

Pauta importante para os servidores da Segurança Pública, o direito à paridade e integralidade foi tema de uma reunião com a Chefia de Polícia do RS e representantes das entidades de classe da Polícia Civil, nesta segunda-feira (21/3), no Palácio da Polícia.


No encontro ficou definido o encaminhamento de um projeto para análise do Governo do Estado que contemple o direito à paridade e integralidade aos servidores ingressos até 2019, bem como a prerrogativa de promoção para os servidores em estágio probatório.



Representando a Associação dos Delegados de Polícia do Rio Grande do Sul (ASDEP) na reunião estavam o assessor jurídico Lucas Ceccacci e o delegado Rodrigo Pohlmann Garcia.

2 visualizações0 comentário